início - locais turísticos - gastronomia - o futuro do lugar - associação do quilombo - contato - links

O PLANTIO DE PALMEIRA REAL PARA PRODUÇÃO DO PALMITO

Foram plantadas em 2006 mais de 100.000 pés em 08 propriedades. O projeto tem a iniciativa da Associação dos Moradores do Quilombo mas contempla também outras localidades de Lomba Grande como Morro dos Bois e Santa Maria. A iniciativa se destaca pois o cultivo visa o desenvolvimento sustentável de propriedades rurais através de uma atividade ecológica: a oferta do palmito da palmeira real preserva a extração predatória da palmeira Juçara, nativa da mata Mata Atlântica. Em Lomba Grande o cultivo é uma alternativa para agregação de renda ao produtor. Até hoje apenas era incentivado o plantio de eucalipto e pinus em escala comercial. Sendo Lomba Grande parte da região metropolitana e não dispondo de uma área tão vasta, essas culturas deveriam ser utilizadas apenas para a manutenção das propriedades, evitando a depreciação das terras e priorizando a produção de alimentos para esse grande mercado consumidor.

O cultivo da palmeira na localidade está sendo um aprendizado para os produtores, onde diversos sistemas estão sendo utilizados, como o consórcio com outras culturas, o plantio em áreas protegidas e em ambientes abertos. Há preocupações quanto ao clima do Estado, uma vez que não possui muita tolerância à geadas consecutivas em seu estágio inicial. O cultivo estima-se no prazo de 3 a 4 anos, onde além do palmito poderá se aproveitar as folhas e as fibras para alimentação animal, além de outras aplicações, como adubação orgânica e proteção do solo.

COMO TUDO COMEÇOU:

No dia 08/08/2006 nos reunimos no Salão da Amizade, sede provisória da Associação dos Moradores do Quilombo, para conhecer o projeto Palmeira Real, de Paulo Roberto Silveira (Msc. em Extensão Rural - Professor da UFSM) e de Cícero Genro (Engº. Florestal). Nesta data Paulo e Cícero visitaram algumas propriedades da região na parte da manhã. Ao meio dia foi oferecido um almoço no Salão e à tarde tivemos a apresentação do projeto aos interessados.

Tivemos representantes da Secretaria da Agricultura, da Emater e do Sindicato dos Trabalhadores Rurais. Se fizeram presentes também pessoas interessadas na temática vindas de Ivoti, Dois Irmãos e Linha Nova.

O Encontro encerrou com uma degustação de alguns produtos locais doados por moradores do Quilombo. Esse dia possibilitou o início de uma aproximação entre os interessados nesse tipo de cultura. Um dos objetivos do investimento é propiciar uma alternativa de desenvolvimento local, com geração de renda adicional principalmente direcionada ao produtor familiar. Uma alternativa menos predatória ao ambiente natural e mais rentável que possibilite o crescimento coletivo da comunidade, com qualidade de vida.

O encontro foi uma iniciativa da Associação dos Moradores do Quilombo com apoio da Secretaria Municipal de Agricultura de Novo Hamburgo e da Emater.

Os interessados em aprofundar os estudos de viabilidade devem manter contato com o Carlos pelo e-mail carlos.gutbier@gmail.com

Expectativa de Renda Estimada:

(Espaçamento 1m x 0,8m
12.500 Plantas/ha.
Preço médio alcançado R$ 1,80
em 42 meses)

Custos c/ mão-de-obra: R$ 5.600,00
Receita: R$ 22.500,00 (-10% quebra)
Renda/ha: R$ 14.650,00/ha
Receita Mínima de
R$ 4.185,00/ha/ano

 
Lomba Grande busca no Desenvolvimento Rural Sustentável a harmonia com o meio ambiente.